A Moda no Japão

Ir ao Japão foi uma das experiências mais incríveis da minha vida! Toquio sempre foi um dos destinos dos meus sonhos e realizar essa viagem foi demais!

Durante meu tempo lá, busquei manter todo meu “olhar de consultora” atento e o radar ligado para tudo ao meu redor, prestando atenção nas pessoas, nas vitrines, na cultura, em tudo…

IMG_0200

Pelas ruas de Toquio, vê-se de tudo. Todas as modas que você puder pensar, acontem lá.

Mulheres e homens de todos os estilos possíveis e imagináveis e também inimaginaveis em outro lugar do mundo.

Gente vestida de personagem de história em quadrinho divide a calçada com mulheres elegantes em suas saias midi e também com tradicionais senhoras em seus tradicionais (e lindos) kimonos.

Lá é assim, tudo junto e misturado, tudo ao mesmo tempo agora. O tradicional caminha junto e de mãos dadas com o ultra moderno, em todos os aspectos, não só na moda.

Só que uma coisa me chamou muita atenção sobre a moda.. Quanto mais eu viajo, mais percebo que a moda é “flat”. Em termos de moda das lojas, vitrines e tendências, o que eu vejo no Brasil é o que eu vi no Japão e o que vi em Los Angeles. De Zara a Chanel, se você entrar em uma loja, pode não saber em que parte do mundo está. A globalização realmente fala mais alto.

O que muda um pouco no Japão é a diversidade mesmo. Tem as mulheres contemporâneas, que usam a moda do mesmo jeitinho que a gente, variando só de personalidade pra personalidade, estilo pessoal pra estilo pessoal e tem as mulheres mais tradicionais, que saem nas ruas com kimonos, fora as que falei que saem fantasiadas (lá isso é comum, mas também é visto como pessoas que querem transgredir e, obviamente, chamar a atenção).

Ao mesmo tempo que há uma repressão cultural muito grande (principalmente em relação às mulheres), há uma liberdade fashion enorme. A roupa, mais do que em qualquer lugar do mundo, é a forma de fazer seu statement, de falar, gritar ou, pra quem prefere, ficar quietinha.

Eu tirei algumas (poucas) fotos de pessoas na rua e vitrines, mas tinha vergonha de apontar a camera pros outros e nas vitrines algumas pessoas me chamaram atenção e pediram pra não tirar..

Quem me acompanha no Snapchat (de-tavares) pode viajar comigo e ver tudo junto e em tempo real!

IMG_0180IMG_0169IMG_0163IMG_0156IMG_0140IMG_0137IMG_0134IMG_0128IMG_0126IMG_0122Tirando a primeira e a última foto dessa sequência, ninguém nem diz que é Japão, né?

Como também era inverno, tem muito casacão, que tampa um pouco os looks, não deixando muito a gente perceber o que tem por baixo.

Percebam gente, que o que vale mesmo, aonde quer que a gente esteja, é usar a roupa a nosso favor. O que importa é se sentir bem com o que a gente veste, usar a moda pra favorecer a gente, pra falar quem a gente é e qual nossa intenção no mundo! Aqui ou no Japão. 😉

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s